domingo, 5 de junho de 2011

Resumo-Dialetos Regionais



Dialeto é a modalidade de uma língua caracterizada por determinadas peculiaridades fonéticas, gramaticais ou regionais. Cientificamente este conceito é conhecido por "variação diatópica", "variedade geolinguística" ou "variedade dialetal”.              
Dialeto regional é a forma como uma língua é realizada numa região específica. Então podemos perceber como uma mesma língua pode possuir diferentes dialetos. Por isso, não temos uma língua errada, pobre ou feia, e sim, DIFERENTE e RICA.
Vejamos algumas palavras:
(¹ falar típico do NE/ ² falar típico de outras regiões brasileiras)

→ abóbora¹/jerimum²
→ almôndega¹/porpeta²
→ ata¹/fruta do conde²
→ avoado¹/desligado²
→ abilolado¹/com o miolo mole, sem juízo²
→ abusado¹/chato²
acolá¹/ali²
→ arrudiar¹/dar a volta²
→ banda¹/pedaço de alguma coisa²
bater a caçuleta¹/morrer²
→ bora li¹/vamos ali².
→ bruguelo¹/bebê²
cabreiro¹/desconfiado²
→ canhão¹/mulher feia
→ catinga¹/mau cheiro²
→ coberta¹/lençol²
→ curiar¹/olhar ou observar com curiosidade²
→ danada¹/ pessoa inquieta
→ dar pitaco¹/dar opinião²
→ desimbestar¹/correr bastante²
→ desmentir¹/torcer o pé²
embuchar¹/engravidar²
→ goiaba¹/araçá²
menino¹/ guri²
→ macaxeira¹/aipim²
→ rebolar¹ (no sentido de jogar fora)/jogar²
→ tangerina¹/mexerica²


Yonne Leite, Dinah Callou. Como falam os brasileiros. Roi de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2002 (Descobrindo o Brasil).

Postado por: Laís Aline, Myrella Araújo e Nícollas Abreu.

12 comentários:

  1. Oi,
    pessoal,
    postagem simples, mas muito esclarecedora.
    Continuem postando.
    abrs,
    Aluiza

    ResponderExcluir
  2. Boa noite, encontrei este site e adorei. Contudo, sou catarinense, morei um tempo na Inglaterra e hoje resido no nordeste do Brasil. Fiquei abismada com a enquete a respeito de onde as pessoas falam mais "corretamete". Os próprios nordestinos sabem que aqui se omite fonemas nas palavras e se acrescenta onde não existe. Exemplo: bora (Vamos embora) e Subistantivo (substantivo).
    Enfim, parabéns pelo texto!
    Ah, cabide = cruzeta. assanhado - cabelo arrepiado. Entre outras!

    ResponderExcluir
  3. Rio de Janeiro representa o padrão culto? No nordeste eles falam mais "corretamente"?

    ResponderExcluir
  4. e aí td bem, espero q vcs continuem postando pq isso serviu muito pro meu trabalho

    ResponderExcluir
  5. e aí td bem, espero q vcs continuem postando pq isso serviu muito pro meu trabalho...........

    ResponderExcluir
  6. nao tem o mais ou menos correto.. existem formas diferentes de falar..

    ResponderExcluir
  7. real, assim ajudam aos que mais gostam de partilhar conhecimento com os outros e adquirindo assim a imortalidade intelectual............. edy dany mandlate de mozambique gaza NKULO......

    ResponderExcluir
  8. eu tenho um problema meu pinto é pequeno

    ResponderExcluir
  9. e um problema mesmo assinado:vitoria

    ResponderExcluir
  10. SP CAPITAL TEM O FALAR MAIS CULTO DO BRASIL SEGUIDO POR SOTAQUES SULINOS, SÓ QUE OS SULINOS SÃO MAIS AFECTADOS QUE O PAULISTANO E NEM TODO SOTAQUE PAULISTANO PRESTA..SÓ AQUELE ESTILO AVENIDA PAULISTA E AQUELE ITALIANIZADO DO SUBURBIO, MAS NÃO AQUELE ESTILO JARDIM ANGELA..QUANTO AO NE FALAR MELHOR EM ALGUNS FONEMAS ISSO PROCEDE POIS SE PARECE MAIS COM O PORTUGUES DE PORTUGAL POR EXEMPLO NOS FONEMAS T/D NA SEMI-VOGAL I..QUANTO AOS XIADOS BRASILEIROS NENHUM DELES SE PARECE COM O XIADO PORTUGUES POIS TODOS ELES SÃO ARRASTADOS..

    ResponderExcluir
  11. AGORA CLARO, OS PAULISTANOS SÃO VAZIOS..ELES PARECEM MUITAS VEZES TER ALGUMA CASTA PELO SOTAQUE MENOS PRIMITIVO A QUEM OUVE, MAS QUANDO VC VAI VER NÃO TEM CONTEÚDO ALGUM NO PAPO DELES OU SÃO POSERS PSEUDO-INTELECTUAIS OU MESMO SÃO DEGENERADOS DO POS-MERDA TENTANDO FALAR COMO ITALIANOS

    ResponderExcluir
  12. LIXO DE JANEIRO TEM SOTAQUE DE GORILA SLVMESCO ALOGENO SUB-NOSTRATICO..NEM DE LONGE TEM O ACCENT MAIS CULTO, PELO CONTRARIO, ELES FALAM COMO AQUELES DROGADOS QUE NÃO TEM NADA NA CABEÇA, UMA BAIXARIA SÓ..

    ResponderExcluir